Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
#POP

Com carreira nos EUA, brasileira vem a Porto Alegre em busca de sucesso na terra natal

Finalizando o disco de estreia, MÁDAM se apresenta na capital em janeiro.
Publicidade
curtiu? compartilhe
14.12 2017

Aos 18 anos ela deixava o Sul para ir em busca de um sonho: entrar na mais conceituada escola de música do mundo, a Berklee College of Music, em Boston (EUA). Pouco tempo depois, Marina Maiztegui não só conseguiria a vaga como também uma bolsa de estudos na instituição que formou talentos como Phil Collins e Mike Portnoy.

Paulistana que cresceu em Florianópolis, a cantora e compositora electropop vive em Nova York, onde trabalha sob o nome artístico de MÁDAM. Hoje com 25 anos, Marina já teve a oportunidade de dividir o palco com Seu Jorge, Julio Iglesias, Alejandro Sanz e Marcos Valle.

Seu primeiro álbum está em fase de finalização e deve sair no início de 2018. Enquanto isso, os single Rise Up e o recém-lançado Doers fazem sucesso no Youtube, Spotify e iTunes. O primeiro, um som jovem e energizante , demonstrou o controle vocal sólido de Marina. São trechos inspiracionais e encorajadores da união e do amor próprio, que ganharam um clipe ambientado em Nova York. As cenas destacam a rotina da cidade, imersa em diversidade cultural.

Já Doers é uma música que fala de sonhos. “Sonhamos enquanto dormimos. Acho que também por isso acabamos aceitando que é algo fora da realidade, e acabamos não agindo em busca do que queremos, não levando nossas aspirações para o real. Doers fala isso. É um som bem alegre e pra cima; uma música crua, mais pura, com menos sintetizadores e ainda assim complexa.”

Filha de gaúcha, Marina elegeu Porto Alegre como palco de um de seus primeiros shows no Brasil. Será no dia 13 de janeiro, no Boteco Tchê, com abertura da banda Os Eller's. “O gaúcho é um povo muito afetuoso, com grande receptividade. Minha música tem tudo a ver com a energia e positividade do RS.”